• Twitter
  • Facebook

Blog Memória Futebol


Clube Atlético Bandeirante

Autor: Adriano Fernandes - 15/10/2012 Categoria: Adriano Fernandes   Comentários Nenhum comentário

CAB

O Clube Atlético Bandeirante é um clube brasileiro da região administrativa do Núcleo Bandeirante. Fundado no dia 15 de outubro de 1994, é o mais tradicional clube do Núcleo Bandeirante. Não possui títulos em sua trajetória, mas ostenta um vice da Segunda Divisão Brasiliense de 1999 e um vice da elite candanga de 2000, perdendo a final para o grande time do Gama.

O clube foi fundado oficialmente no ano de 1994, após fusão de dois antigos times da cidade que estavam inativos: a Associação Desportiva Bandeirante e a Associação Desportiva Comercial, formando então a Associação Desportiva Comercial Bandeirante, após a cidade ficar sem representantes entre os anos de 1981 e 1993.

Em 1994 estreou no campeonato do DF com o nome de Associação Desportiva Comercial, perdendo para o Tiradentes no Mané Garrincha por 1 x 0. O clube terminou o campeonato na última posição (10°) com 1 ponto em 9 jogos disputados conquistado no empate com o Samambaia no Rorizão. No outro ano mais um vexame: lanterna novamente do campeonato.

No ano de 1996 por pouco não foi um dos primeiros clubes brasilienses a ser rebaixado á recém-criada Segunda Divisão local, escapando no torneio da morte por ter um ponto á mais que o Tiradentes (na época Flamengo Tiradentes).

Em 1997 mais uma vez decepciona e faz péssima campanha, ficando na lanterna do torneio e sendo rebaixado para a Segunda Divisão Candanga.

Fracassando em 1998 nas semifinais, o clube voltou á elite após o vice campeonato da divisão de acesso em 1999, quando só ficou atrás do Bosque, de Formosa.

Em 2000 enfrentou a sua melhor fase, já com o nome de Associação Desporiva Comercial Bandeirante, fez pela primeira vez uma campanha que enchesse os olhos de um torcedor bandeirante, ficando em terceiro lugar na primeira fase, vencendo o Brasília nas semifinais e avançando até a final contra o Gama, perdendo para o clube que naquele ano teve o seu quarto título seguido. No mesmo ano o clube alvinegro disputou a Copa João Havelange, ficando em 36° lugar, última posição na Série B.

Em 2001 permaneceram do bom time de 2000 o meia Marquinhos Brazlândia e o zagueiro Júnior. O clube foi eliminado ainda na primeira fase da Copa Centro-Oeste e chegou até as semifinais do Candangão com um time jovem, porém foi eliminado pelo então novato Brasiliense, garantindo vaga na Copa do Brasil de 2002.

Em 2002 fez contratações como o zagueiro Lira e os atacantes Bispo e Giovane para o ataque visando a Copa do Brasil e um bom Candangão, porém o clube pipocou no hexagonal final do Candangão e foi eliminado da Copa do Brasil ainda no primeiro jogo para o Cruzeiro levando 4 x 1 no Serejão.

Sem dinheiro e apoio, o time da Metropolitana viveu dias ruins anos ano de 2003 e 2004, sempre lutando contra o descenso, fato que acabou ocorrendo no ano de 2005, quando foi lanterna mais uma vez do Candangão, rebaixando junto com o Sobradinho e Santa Maria.

Em 2006 disputou a Segunda Divisão do DF e o vexame não poderia ser maior: acabou rebaixado para a desvalorizada Terceira Divisão Brasiliense. A partir daí iniciava o ostracismo da equipe bandeirante, sem dinheiro e desgastado, o clube não conseguia fazer uma campanha descente na Terceira Divisão, onde ficava no meio da tabela, em 2009 até tentou chamar o torcedor para perto do time, conseguindo bons públicos na Terceira Divisão, mas como a campanha foi muito ruim, logo os torcedores desanimaram. Em 2009 também mudaram o nome para Clube Atlético Bandeirante e acrescentaram o verde no time.

Fonte da Imagem: Blog História dos Clubes Nacionais 

Fonte: Blog História dos Clubes Nacionais em 11/10/2010


Comentários

Nenhum comentário até o momento.

Deixe seu comentário

Nome:

Seu E-mail:

Assunto da Mensagem:

Mensagem:



Memória Futebol - todos os direitos reservados 2011

Ap1! Comunicação